A babá é uma profissional que tem um papel muito importante no cuidado das crianças. Afinal, ela será colocada dentro de um lar como responsável pelas crianças na ausência dos pais. Sendo assim, contratar a babá certa para esse cargo é mais do que fundamental.

Não é difícil encontrar atualmente polêmicas sobre babás, como é o caso da recente polêmica envolvendo uma falsa babá que furtou o chef de cozinha Érick Jacquin.

Considerando os perigos e a complexidade de escolher uma pessoa de confiança para cuidar das crianças, criamos um guia com várias dicas para contratar uma babá com segurança. Acompanhe!

Cuidados básicos para contratar uma babá

Antes de contratar uma babá, você precisa realizar uma checagem com três etapas para que a escolha da babá seja a mais segura possível. Veja a seguir quais são as etapas:

Solicitar documentos originais

É nesse momento que você terá informações pessoais sobre a pessoa, podendo consultar antecedentes criminais e outros procedimentos que garantam a segurança dessa contratação

Tirar cópia dos documento

Mesmo que a candidata pareça ser confiável, é fundamental tirar cópia do documento original para ter informações sobre a futura babá.

Ninguém quer se passar por “incrédulo” ou “inseguro demais”, porém, você poderá evitar muitos problemas futuros tendo informações sobre essa babá guardadas em um local seguro.

Pedir referências de ex-patrões

Essa é uma etapa comum para muitas pessoas, mas ela deve ser analisada com muito cuidado.

Ter no mínimo duas referências de ex-patrões é essencial, porém, mais importante que a quantidade de referências é a qualidade delas.

Hoje em dia o que não falta são pessoas se passando por outras, então, tente conversar pessoalmente com as referências da babá, veja se os ex-patrões realmente possuem filhos e se são confiáveis.

Isso tudo pode parecer demais para você, mas acredite, essa é a forma mais segura de contratar alguém para cuidar dos seus filhos!

Leia Também: Dicas para mães de primeira viagem

Dicas para contratar uma babá

Considere que o procedimento que mencionamos é parte obrigatória da seleção da babá. Agora, veja algumas dicas para que essa contratação seja ainda mais segura.

1. Faça a entrevista pessoalmente

Conhecer a pessoa pelo Skype, WhatsApp ou qualquer outro meio digital é muito mais fácil e cômodo, mas o que você não sabe é que entrevistar alguém pela internet ou por telefone não proporciona uma visão completa da profissional que você pretende contratar.

E não pense que por ter um currículo impecável a profissional é a melhor indicação para seu lar.

Nada dispensa uma conversa pessoalmente antes da contratação, principalmente com profissionais que ficarão na sua casa cuidando dos seus filhos.

Por meio de um contato pessoal, você pode analisar o comportamento da pessoa, como ela se porta, como ela interage com as crianças e muito mais.

2. Procure por profissionais capacitadas

Não há um tipo específico de formação para quem é babá, porém, contar com profissionais capacitadas em áreas interessantes para essa profissão é uma boa escolha.

Isso não significa que a profissional contratada será honesta, mas é um bom critério para sua decisão.

Por exemplo, profissionais com cursos técnicos em enfermagem, farmácia, cuidados com idosos, entre outras áreas deste tipo, possuem capacitação para agir em momentos de enfermidade.

Qualquer curso de capacitação relacionado aos cuidados sejam eles infantis ou não, como primeiros socorros, será interessante para uma babá.

3. Peça indicações confiáveis

O caso do chef de cozinha Érick Jacquin ocorreu justamente por conta de uma indicação. A esposa de Jacquin recebeu a indicação de uma amiga e, por isso, contratou a babá que depois foi descoberta como ladra.

Isso não significa que indicações não são boas formas de encontrar profissionais confiáveis. Na verdade, ter a indicação de uma pessoa que você confia pode te ajudar nessa seleção.

O mais importante nesse caso é saber mais detalhes da indicação, por exemplo:

  • Quanto tempo a pessoa que está indicando teve contato com a babá?
  • Qual foi a experiência dessa pessoa que está indicando a babá?

Essas informações são primordiais para avaliar se a indicação é realmente uma opção segura para sua família.

4. Procure em Agências de Babás

Contratar uma profissional através de uma agência de babás é uma ótima alternativa. Você pode encontrar excelentes profissionais para atuar no seu lar.

Neste tipo de serviço, você informa o perfil da profissional que está buscando, e a agência faz a seleção das profissionais e agenda as entrevistas para você conhecer as candidatas.

É importante avaliar os critérios de seleção da empresa e posteriormente avaliar a profissional de acordo com os critérios que mencionamos.

Alguns pontos que você deve avaliar são:

  • A babá possui algum curso de cuidado infantil ou primeiros socorros?
  • A agência realiza a checagem cadastral completa da profissional?
  • A agência oferece substituição caso a profissional não atenda suas expectativas?

5. Use câmeras de segurança

Essa não é a estratégia mais segura, mas poderá ser bastante útil. Após a contratação, você pode utilizar câmeras escondidas em lugares estratégicos para ter certeza de que a profissional contratada é uma pessoa confiável.

É importante não contar exclusivamente com essa estratégia, pois, como já mencionamos, ela não é a mais confiável.

O ideal é entrevistar a babá, consultar suas referências e ter certeza da pessoa que você irá colocar dentro da sua casa.

COMPARTILHE
Categorias: Dicas

Vânia Santos

Psicóloga, Mãe de 3 filhos e contribuidora do Blog Anjo Querubim.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2019 Anjo Querubim - Todos os direitos reservados.