A primeira semana com o bebê em casa pode ser um verdadeiro desafio. A situação piora quando o leite demora muito para descer e o recém-nascido chora muito de fome. A falta de experiência da mãe em entender o choro do bebê pode causar insegurança e uma infinidade de dúvidas.

Que bom seria se existisse um tradutor do choro não é verdade? A boa notícia é que existe uma técnica para ajudar os pais a decifrarem o choro do bebê.

A Linguagem Dunstan

A Linguagem Dunstan não é exatamente um tradutor de choro, mas uma técnica muito útil criada pela pesquisadora australiana Priscilla Dunstan que promete ajudar pais e mães de primeira viagem a entender o choro do recém nascido.

Segundo Priscila, são 5 sons que podem indicar fome, cansaço, gases, vontade de arrotar ou outro tipo de desconforto.

Quanto mais rápido os pais responderem a essa necessidade, seja através da amamentação, colocando-o para arrotar, para dormir ou aliviando seu desconforto, menos choro e maior conforto para o bebê.

Confesso que nem sempre é muito fácil decifrar se o som é um ou outro, mas acredito que uma mãe que presta bastante atenção desde o começo com o bebê consegue desenvolver a técnica.

O legal é assistir o filme com os bebês chorando, observar bem e depois tentar fazer um paralelo com seu bebê.

Entendendo o choro do bebê

Os sons são os seguintes:

  • Fome: o bebê faz o som de “Neh” elevando a língua como se fosse fazer o movimento de sucção.
  • Cansaço: som de “Own” como se fosse um bocejo.
  • Desconforto: som de “Heh” bem curtinho e pode significar fralda suja, frio, calor, roupa incomodando.
  • Gases: som de “Eairh”, geralmente um choro bem descontrolado e inconsolável das cólicas que vem nos fins de tarde ou começo de noite.
  • Vontade de arrotar: A criança usa o reflexo sonoro “Eh” para comunicar que precisa arrotar. O som é produzido quando uma grande bolha de ar aprisionada é capturada no peito e o reflexo tenta liberá-lo da boca.

Nos links abaixo você encontra os vídeos que explicam e ilustram os sons, em inglês e português. Vale a pena dar uma olhadinha:

Priscila Dunstan na Oprah (em inglês)

Diferentes choros dos bebês no programa Mãe e Cia no GNT

COMPARTILHE
Categorias: Dicas

Vânia Santos

Psicóloga, Mãe de 3 filhos e contribuidora do Blog Anjo Querubim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2019 Anjo Querubim - Todos os direitos reservados.